Calote fiscal promovido pela gestão do PT em Médici pode deixar servidores sem salários, denuncia prefeito


O prefeito Edilson Alencar, do PSDB, e Lurdinha do Sindicato (PT) no detalhe / Imagem: Reprodução


Porto Velho, RO –
O novo prefeito de Presidente Médici Edilson Alencar, do PSDB, apresentou grave denúncia em sua página particular no Facebook. Alencar diz ter sido pego de surpresa ao se deparar com bloqueio judicial nos repasses do Fundo de Participação dos Municípios.

Calote fiscal

Segundo Alencar, os recursos foram bloqueados devido a um calote fiscal promovido pela gestão anterior, ou seja, da ex-prefeita Lurdinha do Sindicato, do PT.

Lurdinha, ainda de acordo com o tucano, deixou de repassar valores referentes ao INSS em 2016 – parte patronal e do servidor – somando uma dívida no valor de R$ 1.735.451,98.Já foram sequestrados das contas do erário R$ 466.236,80 e ainda há quase um milhão de reais bloqueados aguardando os trâmites para sequestro.

“As providências serão tomadas! [Estão] Sendo enviados os documentos aos órgãos de fiscalização competentes”, garantiu o atual prefeito.

Abaixo, o documento que comprova os meses em atraso em 2016



 

 

 

Autor / Fonte: Rondoniadinamica

Leia Também

Comentários